Pesquisar este blog

Ocorreu um erro neste gadget

Seguidores

sábado, 21 de maio de 2011

Os 10 Melhores jogos para Playstation 2

1. GTA: San Andreas


Grand Theft Auto: San Andreas é o quinto jogo da série de ação GTA, a primeira e mais aclamada franquia da Rockstar. Assim como seus antecessores, San Andreas permite a exploração completa do cenário entre uma missão e outra, além de roubar carros, contudo, as novidades são inúmeras.

                   

Desta vez é possível nadar, fazer graffiti, aprender artes marciais, comprar roupas e até escolher o corte de cabelo e a barba. No entanto, a maior adição deste título são os atributos do protagonista, que são aumentados ou diminuidos de acordo com a prática do respectivo.

                   

Por exemplo, é possível aumentar o fôlego do protagonista simplesmente treinando natação, ou pode-se deixar seu personagem mais magro ou gordo (conseqüentemente mais rápido ou lento) simplesmente ao se andar mais a pé e comer menos.

 

O enredo de San Andreas não é nada menos polêmico que o de seus antecessores; envolve crime, tráfico de drogas, corrupção policial e traição. Desta vez o jogador está na pele de CJ, que, após 5 anos em Liberty City, resolve voltar a San Andreas. Entretanto, ao chegar lá, é surpreendido por uma situação na qual não imaginaria encontrar seus velhos amigos.



Sua antiga gangue já não tem mais prestígio, e seus velhos amigos ou se renderam às drogas ou estão em uma situação cada vez mais apertada. Indispensável para fãs da série ou do gênero!

2. Resident Evil 4

 

Resident Evil 4 é um jogo de ação em terceira pessoa com elementos de tiro e um enredo de arrepiar, elementos que constituem um gênero conhecido com "horror survival". Este título, inclusive, foi consolidado pela sua tradicional franquia, que traz novos elementos sem perder os bons aspectos que fizeram dela um sucesso.

 

O jogador está na pele de Leon, o mesmo protagonista de Resident Evil 2, que agora é um renomado agente da CIA e vai a um bizarro vilarejo situado na Espanha a fim de resgatar a filha do presidente dos Estados Unidos. No entanto, ao chegar lá, ele se depara com criaturas nada amigáveis, os chamados Ganados, homens infectados por um vírus que os torna bastante semelhantes a zumbis, mas com capacidade de correr e usar armas, por exemplo.

 

Devido às suas habilidades, os novos inimigos exigem maior dinamismo do jogador, coisa que os comandos novos permitem bem. Em RE4 há um novo sistema de mira, que fazem com que o jogador tenha maior controle e precisão ao atirar. A câmera agora tem uma nova perspectiva, situando-se sempre sobre o ombro do protagonista.

 

Fãs da série e do gênero devem obrigatoriamente ter este título, e mesmo àqueles que não estão familiarizados com a franquia, Resident Evil 4 é recomendado.

3. God of war 2


God of War 2 é a seqüência de um dos títulos de ação em terceira pessoa mais conceituados já lançados para Playstation 2. O game, assim como seu antecessor, apresenta uma fórmula predestinada ao sucesso, que mistura combates brutais com puzzles e elementos de plataforma. Há também certos conceitos de RPG incorporados no jogo, como a evolução de armas e magias através de pontos de experiência, coletados durante as batalhas.
 
                     
 
Os combates, nos quais a maior parte do game é embasada, ficam em função dos ataques em cadeia e combos de Kratos, o protagonista, que agora recebe o título de deus da guerra. Desta vez ele tem ainda mais armas e ataques especiais para destruir seus inimigos; novas espadas, lanças e marretas foram incorporadas à lista de armas, e magias como o terremoto de Atlas e a fúria de Cronos poderão ser usadas ao longo do jogo.
 
O game possui cenários mais amplos e chefes maiores e mais intimidadores, o que não surpreende, tendo em vista que o objetivo de Kratos desta vez não é nada modesto: se vingar do rei dos deuses do Olimpo, Zeus. Há também novos elementos mitológicos nesta versão, como o legendário cavalo alado Pégasus e o herói grego Perseus.
 
4.Pro Evolution Soccer 2011
 
  
 
A edição 2011 de uma das mais populares franquias de jogos de futebol chega ao PlayStation 3, Xbox 360, Wii, PC, PlayStation 2 e PSP recheada de novidades. Em primeiro plano está a jogabilidade reformulada, pensada na completa liberdade de movimentação e de controle da bola no campo.

Agora é necessário dosar com precisão cada lançamento, passe, cobrança de lateral e chute, com o apoio da nova barra de controle que o auxiliará na colocação exata da bola. A inteligência artificial não oferecerá mais tanta assistência, mas em contrapartida é possível até mesmo entrar nas disputas de bola utilizando jogo de corpo e outras táticas.

As melhorias na inteligência artificial se aplicam aos árbitros e aos goleiros, quebrando estigmas antigos que atingiam a franquia. Os jogadores encontrarão em Pro Evolution Soccer 2011 muitas melhorias gráficas, que vão desde a animação de corrida e de chute dos jogadores até as torcidas e outros elementos encontrados pelos estádios do mundo todo.

Por fim, ainda existem recursos para comandos estratégicos mais acessíveis, modalidades para disputa da Master League online e muitas outras novidades.
 
                 
 
5. God of War

God of War 
 
God of War é um jogo de ação em terceira pessoa focado no combate através armas mitológicas e poderes extraordinários. Contando com as temidas Blades of Chaos, presente do próprio deus da guerra, Kratos deve enfrentar criaturas mitológicas incríveis e puzzles de quebrar a cabeça para se livrar de pesadelos relacionados a um fato trágico de seu passado, que vem o assombrando há anos.






Entre os recursos do protagonista para sobreviver em meio ao caos instalado na cidade de Atenas estão poderes especiais concedidos pelos deuses, como a habilidade de transformar inimigos em pedras (o poder da medusa, presente da deusa Hera), os raios de Zeus ou campo elétrico de Poseidon. Contudo, o coringa de Kratos são as já mencionadas Blades of Chaos, que consistem em 2 espadas acopladas a correntes, e estas, por sua vez, atadas aos braços do espartano.

O jogo foi bastante aclamado pela crítica por conta de seu visual magnífico. Seus gráficos superam as espectativas de seu console e seu lado artístico é bastante fiel à Grécia antiga e sua mitologia. Estes atributos, juntamente com o enredo fascinante, fazem deste título essencial aos donos de Playstation 2.


6. Mortal Kombat

  

Mortal Kombat: Armageddon é o título mais recente de uma das série mais famosas de todos os tempos no mundo dos games, precursora de inovações como o fatality e o uso de sangue. Como não poderia deixar de inovar, o novíssimo MK traz recursos inéditos como a criação de personagens e fatalities, além de um minigame satírico (e controverso!) que lembra Mario Kart.





No desenrolar de todo a trama da série, os guerreiros ficaram mais fortes e numerosos demais para serem contabilizados, o que poderia levar a destruição total do universo. Conta a história que neste MK, sem aviso, uma pirâmide ascendeu, levando a um combate entre os melhores para ver quem chegava ao cume primeiro. Isso ocorreu até Blaze, um elemental de OutWorld se revelar. Para quem não se lembra, sua primeira aparição foi em Mortal Kombat: Deadly Alliance.



Os deuses anciões criaram um grande fogaréu para evitar o Armagedon. Esta é a derradeira chance de sobrevivência para os combatentes, a determinante do destino... O clima apocalíptico é uma máxima em Armageddon, marcando o enredo do começo ao fim.





MK: Armageddon possui variedade para todos os gostos: são no total 62 personagens (nas versões do Xbox e PS2) com todas as estrelas da série e dois lutadores inéditos. Agora só cabe a você: Finish him!











7. Black



Black

Black é um jogo de tiro em primeira pessoa pouco focado nos tiroteios intensos ao invés da estratégia e ataques táticos. Apesar de não apresentar batalhas sangrentas e extremamente brutais, o título é apresentado sob uma perspectiva cinemática à la Hollywood. Contando com armas extremamente detalhadas e cenários altamente destrutíveis, o jogo traz uma nova proposta ao gênero.
 
   
 
Você incorpora Jack Kellar, um sargento de primeira classe da CIA que apresenta um pequeno problema ao aceitar ordens. Um homem cuja identidade não é revelada leva Kellar, algemado, a uma sala de interrogatório, questionando-o sobre a operação terrorista chamada, Seventh Wave, a qual o sargento havia presenciado em uma missão há quatro anos.
Kellar, então, narra sua história, que é sentida na pele pelo jogador.
 
O título apresenta poucas novidades em relação aos seus congêneres. O maior diferencial de Black fica por conta da aparência geral do game, que conta com a simulação de efeitos cinemáticos como a profundidade de campo — que foca ou desfoca de acordo com a perspectiva — e armas bastante detalhadas.
 
 
 
Ao perder uma grande quantidade de energia, o jogador entra em um modo especial, no qual a tela fica preta e branca e tudo fica mais lento. As batidas do coração do sargento ecoam alto alertando o jogador de que podem ser as últimas.
 
8.Shadow of the Colossus
 
 
 
Shadow of the Colossus é um game com uma marca definitiva na história dos videogames, deslumbrando pela beleza e tom épico. Pela primeira vez, cenários são reais e se movimentam com os gigantes. O enredo é uma obra-prima por si só — não desmerecendo o restante do game, é claro.

   
 
O protagonista é Wander, um jovem que monta a cavalo com uma tarefa digna dos deuses: derrotar dezesseis gigantes, conhecidos como Colossi (o plural de Colossus em latim) para ressuscitar uma garota que fora sacrificada.

A beleza e o tom de tragédia marcam uma obra de arte sem precedentes, desafiando o jogador com um novo e mais inteligente conceito.
Não há interações, sequer inimigos aos montes, contudo a exploração é fundamental. Neste game você precisa pensar e desvendar a fraqueza de cada uma das criaturas míticas.